16°C 26°C
Ubatã, BA
Publicidade
Anúncio

Enoturismo da Bahia é promovido no maior evento de vinhos do Nordeste

O crescimento do enoturismo no estado foi o tema em destaque na décima edição do Bahia Vinho Show, realizada na sexta-feira (3) e sábado (4). O pos...

05/05/2024 às 16h42
Por: Redação Fonte: Secom Bahia
Compartilhe:
Foto: Ascom/Setur-BA
Foto: Ascom/Setur-BA

O crescimento do enoturismo no estado foi o tema em destaque na décima edição do Bahia Vinho Show, realizada na sexta-feira (3) e sábado (4), no Hotel Vila Galé, no bairro de Ondina, em Salvador. O maior evento do gênero do Nordeste teve o apoio da Secretaria de Turismo da Bahia (Setur-BA), como parte das ações de incentivo ao segmento. Enólogos, sommeliers e apreciadores da bebida participaram da programação, com palestras, degustação e comercialização de 150 rótulos nacionais e internacionais e promoção de roteiros turísticos de vinícolas baianas.

Entre os expositores, as vinícolas Uvva (Mucugê) e Vaz (Morro do Chapéu), na Chapada Diamantina; e a Terranova (Casa Nova), no Vale do São Francisco; além da empresa de vinhos Vale do Capão, que produz no Rio Grande do Sul rótulos em homenagem ao destino turístico da Chapada, que levam a assinatura do enólogo baiano Paulo Pires. As vinícolas oferecem infraestrutura para o enoturismo, com roteiros para diferentes perfis de visitantes, e acumulam premiações no Brasil e no exterior. A Setur-BA atua no segmento, com ações de qualificação, divulgação e patrocínio de eventos.

“O enoturismo tem movimentado bastante a economia da Bahia, sobretudo pela chegada de grandes empreendimentos. Essas vinícolas agregam valor aos atrativos que já existem em zonas turísticas como a Chapada Diamantina e o Vale do São Francisco. O Governo do Estado tem apoiado esse segmento que desperta um fluxo de turistas em busca de uma experiência diferenciada dentro das vinícolas”, destacou o diretor de Regulação e Certificação de Serviços Turísticos da Setur-BA, Divaldo Gonçalves.

“Hoje, o novo terroir que existe no Brasil está na Bahia, sendo Salvador a capital onde mais se consome vinho, no Nordeste. O apoio da Setur-BA ao nosso evento mostra que o governo tem percebido o valor que a viticultura representa para a economia do estado”, ressaltou Ivan Baldivieso, diretor do Clube Gourmet da Bahia, organizador do Vinho Show.

O enólogo do grupo Uvva, Marcelo Petroli, fez uma palestra sobre o potencial da Bahia para a produção de vinhos, com impacto no turismo. “O enoturismo baiano vem se fortalecendo muito no cenário nacional, sobretudo pela expansão dos projetos, principalmente, na Chapada, onde houve a descoberta de um novo terroir. Isso gera uma expectativa muito grande no mundo do vinho. A Uvva já recebeu 15 mil turistas, em dois anos de inaugurada, oferecendo acesso a todo o processo de produção, palestra sobre a história do empreendimento e degustação harmonizada”, relatou Petroli.

O sommelier Helton Silva, do grupo Miolo, proprietário da vinícola Terranova, anunciou a expansão dos negócios no Vale do São Francisco. “Temos um projeto pioneiro e inovador, em Casa Nova, o local ideal para quem quer ver a uva no pé, além de entender e saber o que é a viticultura. Recebemos cerca de 2,5 mil visitantes por mês e estamos nos estruturando para ampliar esse número, com novos investimentos”.

Fonte: Ascom/Setur-BA

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Lenium - Criar site de notícias